Diagnóstico Comunitário da Área de Abrangência da Unidade de Saúde da Prainha – Florianópolis – Santa Catarina.

FLAVIA HENRIQUE

Resumo


Este artigo apresenta os principais resultados encontrados na realização do diagnóstico comunitário na unidade de saúde da Prainha pela equipe do Programa Saúde da Família. O método utilizado foi a descrição de indicadores locais relativos à demografia e ao meio ambiente, à situação socioeconômica, aos serviços de saúde e aos  indicadores de saúde subdivididos em saúde da criança, saúde da mulher, saúde do adulto e produção ambulatorial. A discussão dos dados se dará com base nos parâmetros apresentados pelo Ministério da Saúde, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, artigos científicos e autores atuais. Os principais resultados encontrados apontam para a necessária adequação do número de equipes vis a vis as característica da população e maiores investimentos em educação e infraestrutura urbana. Em relação aos indicadores faz-se necessário observar em relação à saúde da criança, fatores relacionados ao baixo peso ao nascer e cobertura de vacinação; na saúde da mulher, a gestação na adolescência, início tardio do pré-natal, imunização para o tétano e cobertura de papanicolau; na saúde do adulto, a prevalência de hipertensão e diabetes mellitus; em relação à produção ambulatorial, o trabalho dos Agentes Comunitários de Saúde. Espera-se que este diagnóstico subsidie o planejamento das ações em saúde da unidade de saúde da Prainha.


Palavras-chave


diagnóstico, população, Programa Saúde da Família

Texto completo:

PDF